Coisas de Desconfio

- 28.6.16

Quem é que não joagava ao "Desconfio" na infância?

Um jogo de cartas onde ganhava quem conseguisse fazer mais "Bluffs"?

Eu nunca fui boa a jogá-lo, mas eram sempre partidas muito divertidas.

Hoje foi a vez dos meus filhos mais novos aprenderem a jogar. Os mais velhos ensinaram, mas uma coisa é explicar as regras, outra é ensinar a mentir.

"3 oitos", dizia o Duarte enquanto, vermelho da mentira, até se atrapalhava e depositava, ao contrário, 1 oito e 2 noves...
A Leonor jogava tal e qual como eu jogava... tentava jogar sempre a verdade, até não dar mais... e depois era um enrascanço pegado!
O Afonso é um bluffer profissional, e o Sebastião, que também não tinha jeito para mentir, já não se safa nada mal. Não é propriamente a melhor lição do mundo, mentir. Já aprender a perceber de quem se deve desconfiar, é uma lição e peras, essencial para se viver neste mundo!


PS - Para quem não se lembra como jogar, podem espreitar AQUI.

You May Also Like

0 comentários