Coisas de Fúrias de Dudu

- 23.4.18

O Dudu tem as suas fúrias.
De manhã, quando o acordam. À tardinha, quando está cansado. Ao fim de semana, quando o contrariam...
E lá vai um ralhete para aqui, um castigo para acolá, meia dúzia de berros para acoli...

E hoje a mamã, já muito cansada das fúrias do seu Dudu, e das suas próprias fúrias também, resolveu sentar-se com ele, para terem uma conversa séria. Foi mesmo daquelas muito sérias, com lágrimas, muitas verdades e busca de soluções.

E a solução que nos pareceu melhor para a falta de autocontrole do Dudu e para a incapacidade de lidar com isso da sua mamã, foi um acordo muito simples:


(Mãe) Quando estiveres a perder o controle, a mãe faz-te um sinal e tu já sabes que tens de fazer qualquer coisa, nesse momento, para te acalmares. Podes ser tu a escolher o sinal.

Lembrou-se de umas quantas parvoíces - mostrar o rabo e coisas do género, que talvez funcionassem, mas a mamã recusou, até por serem difíceis de pôr em prática noutros contextos ou em presença de outras pessoas - mas lá chegou a um sinal que também pareceu bem à mamã.

(Dudu) Abres a boca e apertas as bochechas como naquele quadro famoso...


Feito! Tínhamos acordo.

(Dudu) Mas eu também faço esse sinal quando tu começares a gritar sem razão.

Era justo.

(Mãe) Só falta decidirmos o que vamos fazer para nos acalmarmos.

Pensou para um lado. Eu pensei para o outro. E ele decidiu que, nesses momento, e após o meu sinal, iria:

1) Fazer festas na gata
2) Se a gata não estivesse por perto, fazer afundanços no mini cesto de basket que tem no quarto
3) Se estiver bom tempo, jogar futebol ou hóquei no jardim

A mamã fez também a sua lista:

1) Ir ao jardim apanhar ar.
2) Se estiver mau tempo, pôr os phones e ouvir uma das músicas que a acalma.
3) E sim, a nossa gata é milagrosa... Se ela estiver por perto, uma boa dose de festas também faz milagres.

Agora é esperar que resulte. Em todo o caso, a conversa, por si só, já resultou num abraço demorado e na vontade de fazer diferente. E a mudança, estou em crer, só pode ser para melhor..

You May Also Like

0 comentários